REGULAMENTO

 

A - ORGANIZAÇÃO

A.1 - A organização é da responsabilidade da Câmara Municipal da Guarda e do Clube de Montanhismo da Guarda.

 

C - DATA/LOCAL

C.1 - A prova realiza-se no dia 27 de Novembro de 2016.

C.2 - O início da prova terá lugar às 9:00 horas, no Estádio Municipal da Guarda.

 

C - CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO

C.1 - A prova é aberta a participantes de ambos os sexos. Todos participantes devem ser responsáveis pela sua participação no evento em termos físicos e de saúde devendo os mesmos ter consciência que não existe nenhum factor clínico que os impeça de praticar desporto ou qualquer esforço físico. A organização não se responsabiliza por eventuais acidentes ou ocorrências dentro deste âmbito.

C.2 - Aos menores de 18 anos, será exigido o Termo de Responsabilidade devidamente preenchido e assinado pelo encarregado de educação. Este documento poderá ser descarregado clicando neste link e enviado para o email invernalbtt2016@montanhismo-guarda.pt

 

D - INSCRIÇÕES

D.1 - Presencialmente as inscrições podem ser efetuadas na loja Garbike, na Guarda.

D.2- Via internet as inscrições podem ser efectuadas através do site oficial. O pagamento deverá ser efetuado através de referência multibanco fornecida após preenchido o formulário de inscrição.

D.3 - As inscrições são limitadas a 400 participantes.

D.4 - O encerramento das inscrições será às 23h:59m do dia 20 de Novembro de 2016 ou assim que forem confirmadas (pagas) 400 inscrições.

D.5 - Todas a inscrições, independentemente da forma como foram efectuadas serão confirmadas através da página oficial do evento.

D.6 - Os valores da inscrição são:

14,50 euros - NÃO Sócio Clube de Montanhismo da Guarda/NÃO FEDERADO Federação Portuguesa de Ciclimo;

13 euros - NÃO Sócio Clube de Montanhismo da Guarda/FEDERADO Federação Portuguesa de Ciclimo;

8,50 euros - Sócio Clube de Montanhismo da Guarda/NÃO FEDERADO Federação Portuguesa de Ciclimo;

7 euros - Sócio Clube de Montanhismo da Guarda/FEDERADO Federação Portuguesa de Ciclimo;

D.7 - Os atletas federados têm a responsabilidade de ter a filiação válida. A consequência de qualquer irregularidade nos dados fornecidos são da responsabilidade do atleta.

D.8 - A inscrição dá direito a:

- Participação em um dos percursos disponiveis

- Seguro

- Almoço

- Banhos

- Lavagem da bicicleta

- Brinde

- Abastecimentos

 

E - SEGURO

E.1 - Todos os participantes da Invernal de BTT CIdade da Guarda, estão seguros através de uma apólice de seguro de acidentes pessoais descriminada no documento (ver documento).

E.2 - Em caso do sinistro e respetiva ativação do seguro, cabe ao participante o pagamento da respectiva franquia.

E.3 - O seguro abrange unicamente o atleta inscrito nas listagens da prova.

 

F - SEGURANÇA

F.1 - O uso de capacete é obrigatório.

F.2 - Os participantes deverão cumprir as regras do código de estrada.

F.3 - A organização irá cobrir os pontos criticos do percurso (cruzamentos, etc), no entanto os participantes deverão tomar precauções durante a circulação nos mesmos.

 

G - PERCURSOS

G.1 - A Invernal de BTT – CIDADE DA GUARDA disputar-se-á no sistema de «Open Road», isto é, a prova decorrerá em caminhos rurais e trilhos e estradas secundárias, sendo obrigatório que os participantes cumpram as regras do codigo de estrada.

G.2 - Irão estar disponiveis dois percursos, um para a meia-maratona com aproximadamente 40 Kms e outro para a maratona que terá aproximadamente 70 Kms.

G.3 - A prova estará marcada com placas e fitas sinalizadoras em toda a sua extensão. 

G.4 - Existirão diversos postos de controlo ao longo do percurso, não sendo a sua localização conhecida dos atletas. Só serão classificados os atletas que tenham efectuado todos os controlos incluindo o controlo 0 localizado na partida.

G.5 - Existirá uma caminhada para os acompanhantes dos atletas inscritos.

 

H - ABANDONOS

H.1 - Em caso de abandono, é obrigatório que cada participante informe a organização o mais rápido possível da sua identidade e localização no percurso.

H.2 - O participante deverá acatar as instruções da organização de forma a ser recolhido.

 

I - COMPORTAMENTO EM PROVA

I.1 - Todo o comportamento anti-desportivo implicará a desclassificação do atleta.

I.2 - O não cumprimento das regras de defesa do ambiente nomeadamente o deitar lixo fora implicará a desclassificação do atleta.

I.3 - O dorsal é o elemento de identificação dos participantes, não podendo ser substituído por outro a não ser pela organização.

 

J - ACOMPANHANTES

J.1 - A taxa de incrição por cada acompanhante é de 7 euros.

J.2 - Os acompanhantes terão direito à participação numa caminhada e ao almoço convivio junto dos atletas.

 

L - ALIMENTAÇÃO

L.1 - Durante a realização de ambos os percursos a organização fornecerá reforços alimentares e bebidas em local próprio (1 posto de abastecimento durante a meia-maratona e 2 postos de abastecimento na maratona) a todos os participantes devidamente identificados.

L.2 - Todos os participantes e acompanhantes (inscritos) terão direito à participação no almoço convivio.

 

M - CLASSIFICAÇÕES

H.1 - A classificação final será de acordo com a ordem de chegada nas duas provas.

M.2 - Os escalões serão elaborados segundo o regulamento do Trofeu de Maratonas de Montanhada da Beira Interior da Associação de Ciclismo da Beira Interior.

 

N - OUTROS

N.1 - Os casos omissos a este regulamento serão decididos pela organização, a qual será soberana nas suas decisões